O Foro de São Paulo e o que foi perdido no Leste Europeu

banner-post-20170705-001

Carlos Ilich Santos Azambuja é historiador, autor do livro “A Hidra Vermelha”, que diariamente publica no jornal eletrônico Alerta Total. Desde 02/07 vem publicando trechos do livro “Foi-se o Martelo. A história do comunismo contada em piadas.” (LEWIS,Ben)

Esta é a primeira de uma série de matérias em que são divulgadas piadas coletadas durante os 80 anos de duração do regime soviético.

Embora essas “piadas” sejam o mais negro tipo de humor, elas dizem muito sobre o regime comunista e seus efeitos sobre o povo da antiga União Soviética.

Relembrar as “piadas” é oportuno porque vivemos há muito o esforço do Foro de São Paulo, criado pelo PT e apoiado por todos os partidos da extrema esquerda brasileira, em recuperar na América Latina o que foi perdido no Leste Europeu.

As piadas dão uma excelente ideia do que foi “perdido” no Leste Europeu quando caiu o Muro de Berlim e o que os valentes do PT, PCdoB, PSTU, PSOL etc. estão se esforçando em “recuperar” por aqui.

Origem: Alerta Total (http://www.alertatotal.net)
Disponível em: http://www.alertatotal.net/2017/07/foi-se-o-martelo.html
Acesso em: 05 Jul 2017.

banner-post-20170705-002

As piadas sobre o comunismo são o mais estranho, engraçado e talvez até o mais significativo dos legados daqueles oitenta anos de experimentação política, na Rússia e no Leste Europeu. Ben Lewis, em seu livro “Foi-se o Martelo”, conta o que realmente aconteceu nesse período por meio das piadas e das histórias das pessoas que as contavam – muitas delas acabaram no Gulag, embora outras tenham desfrutado de altos cargos ou se tornaram estrelas do teatro e do cinema.

Origem: Alerta Total (http://www.alertatotal.net)
Disponível em: http://www.alertatotal.net/2017/07/foi-se-o-martelo-2.html
Acesso em: 05 Jul 2017.

Crédito imagem de Stálin:

Behind the iron Curtain, disponível em: http://kcmeesha.com/2011/01/06/behind-the-iron-curtain-stalin-in-posters/ Acesso em: 05 Jul 2017.

banner-post-20170705-003

Para quem não conhece, a foto que capeia a matéria é do intrépido e todo-poderoso-líder da União Soviética, Leonid Brejnev, em plena “Guerra Fria” e que sucedeu o repudiado ex-todo-poderoso-líder da União soviéica Kruschev expurgado discretamente pelos “companheiros” para morrer no ostracismo.

Origem: Alerta Total (http://www.alertatotal.net)
Disponível em: http://www.alertatotal.net/2017/07/foi-se-o-martelo-3.html
Acesso em: 05 Jul 2017.

banner-post-20170705-004

E a saga continua…

Há… as delícias da vida na antiga União Soviética! Vida que o Fórum de São Paulo com a ajuda do PT, PSOL, PSTU, PCdoB, MST, MTST, UNE etc. está lutando bravamente para recuperar no Brasil.

A foto é do Gorbachev, da alegada Glasnost. A piada é do país dos Ceausesco, único país da União Soviética declaradamente Ateu, mas que depois da execução do casal voltou a ser teísta, como nunca deixara de ser. Ninguém vira ateu por decreto.

“Você sabia que o padrão de vida na Romênia duplicou depois da primavera? Antes, a gente estava com fome com frio. Agora a gente está só com fome”.

Origem: Alerta Total (http://www.alertatotal.net)
Disponível em: http://www.alertatotal.net/2017/07/foi-se-o-martelo-4.html
Acesso em: 05 Jul 2017.

banner-post-20170705-005

Nesta última parte da série, o historiador Carlos I. S. Azambuja narra a evolução histórica das piadas comunistas porque se transforamaram em piadas contra o comunismo e qual o seu efeito sobre a derrubada o regime.

Origem: Alerta Total (http://www.alertatotal.net)
Disponível em: http://www.alertatotal.net/2017/07/foi-se-o-martelo-conclusao.html
Acesso em: 06 Jul 2017.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *